segunda-feira, 16 de maio de 2011

Tintim no Congo - o regresso.

Outra das coisas fascinantes neste livro é a violência que o protagonista exerce sobre os animais do país.

Esta brutalidade espelha a diferença de atitude social e hábitos vigentes na década de 30 do século passado. Podemos sublinhar a crueldade mas também se deve ter em conta a negligência que o autor assumiu desde cedo na criação desta segunda aventura do jornalista da poupa loura.

Se os defensores invertebrados dos animais se lembram de pegar nisto, o livro será comido vivo.

Exemplos já a seguir.